• (41) 3671-8800
  • Seg. à Sex. 8h00 às 12h e 13h30 às 17h30

Quatro Barras lança Selo de Qualidade do Turismo

 

Publicado em: 29/09/2022 17:40 | Fonte/Agência: Secretaria de Comunicação

Whatsapp

 

Meta da Prefeitura é incentivar a profissionalização de empreendimentos e fomentar setor que vive fase de expansão
    
Diante do potencial turístico de Quatro Barras e da capacidade de promover o desenvolvimento sustentável através da atividade, a Prefeitura de Quatro Barras, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo, vem agregando novas ferramentas de incentivo ao setor. Nesta terça-feira (27), quando se comemorou o Dia Mundial do Turismo, Quatro Barras lançou, em solenidade na Câmara Municipal, o Selo de Qualidade do Turismo.
    
O selo, na prática, é um diferencial que os empreendimentos turísticos poderão ter para garantir mais qualidade na gestão e também maior competitividade no mercado turístico. Ele assegura que o empreendimento está dentro das normas e padrões dos órgãos fiscalizadores e que está preocupado em cumprir todos os requisitos para oferecer o melhor atendimento ao visitante. 
    
A formalização de quem atua neste segmento e a profissionalização dos serviços prestados são diferenciais determinantes para prosperar. O prefeito Loreno Tolardo, que participou da abertura da solenidade, disse que o município está engajado em fortalecer o setor e dar suporte aos empreendedores. “O turismo é a indústria que mais cresce no mundo. Agradeço aos empreendedores que acreditam na nossa cidade, que investem e empreendem aqui.  Não vamos medir esforços para desenvolver este potencial que é único em nossa região”, disse Tolardo.
    
O vice-prefeito Jarbas Mocelin também destacou a importância do programa. “É motivo de alegria acompanhar o desenvolvimento de estratégias que fortaleçam e promovam o turismo. Capacitação, cooperação e inovação são medidas necessárias para avançarmos sempre”, enfatizou Jarbas.
    
A secretária da pasta, Adriana Heindyk Mocelin, deu as boas vindas aos empreendedores participantes e falou da meta da secretaria em apoiar empreendedores locais e fortalecer o turismo. “O selo é mais uma medida de inovação, de busca pela qualidade. Temos que agregar o vasto potencial que temos - ambiental e histórico - a serviços cada vez mais estruturados e profissionalizados. Com isso, podemos avançar nos moldes de gestão e garantir a boa imagem das empresas que aqui prestam seus serviços. É o compromisso de todos pela qualidade, o que se traduz em sucesso”, afirmou Adriana.   
    
O presidente da Câmara, vereador Eduardo José Lago, também cumprimentou os empreendedores que, segundo ele, fazem a roda da economia girar. “Vocês são responsáveis por fazer a economia girar e, com o apoio do poder público, poderão avançar mais, para novos patamares”, disse ele. Na solenidade, também estiveram presentes os vereadores Anderson Mendonça, Gilson Rodrigues Cordeiro e Edson dos Santos Paula (Negão).

Empreendedores 
Os empreendedores locais Júlio Nogueira, montanhista há 40 anos e proprietário da Levitar Turismo; Renata Almeida, dona do Armazém Dom Pedro; Valéria da Cruz, proprietária do Café da Val e do Salão Sonho Meu; e Juliana Bürkner, gestora administrativa do Hotel Imperial e da Pousada Anhangava, contaram um pouco de suas trajetórias e da visão que têm sobre a atividade turística hoje.
    
“Acredito muito no potencial do turismo na nossa região. Precisamos nos profissionalizar continuamente, para fomentar o setor, gerar emprego e renda. O selo vai ajudar muito e garantir mais visibilidade aos empreendimentos. Vejo que para dar certo é um conjunto, que engloba poder público e empreendedores. Juntos, conseguimos fazer”, disse a empreendedora Renata.
    
Juliana Bürkner, que gere administrativamente hotéis da cidade, destacou a interdependência entre os vários ramos de atendimento no setor turístico. “O serviço de hotelaria é resultado do trabalho de tantos outros empreendimentos, como a vinícola, restaurantes, entre vários outros. Nós sempre buscamos a profissionalização, por entender sua importância. O selo será mais um impulso, uma ferramenta de motivação”, disse Juliana.
    
Ao final da cerimônia, o público presente, composto em sua maior parte por empreendedores e pessoas ligadas ao segmento, pôde acompanhar a palestra da servidora pública da Prefeitura, que hoje realiza tese de Doutorado com base no turismo local, Ellen Correa Wandembruck Lago. Ao longo de sua explanação, Ellen falou sobre os objetivos do selo, critérios de participação e destacou, em primeira linha, a importância da profissionalização.
    
“O selo vai melhorar a competitividade, garantir mais governança e qualidade na gestão. Vai diferenciar empreendimentos, projetando-os no cenário estadual e nacional. O caminho para isso começa pela profissionalização. Com a criação do selo, a meta é incentivar a qualidade e melhorar a visibilidade. Quatro Barras está se mostrando pioneira neste sentido, em toda a Região Metropolitana. Outras cidades turísticas importantes, como Balneário Camboriú, por exemplo, também irão implantar o selo”, disse ela.  

A quem se aplica
Criado pela Lei Municipal nº 1492/22, o Selo de Qualidade do Turismo pode ser concedido a empreendimentos (de pessoa jurídica) dedicados às atividades de gastronomia e hospedagem, agências de turismo, transportadoras turísticas, parques temáticos, entre outros segmentos ligados ao turismo, com validade de um ano.
    
Os empreendimentos interessados terão todo o suporte para se adequar aos critérios. Após aderir ao programa, eles receberão visitas técnicas, orientações e capacitações da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo; do Departamento de Cadastro e Tributação; da Vigilância Sanitária; da Sala do Empreendedor e da Secretaria Municipal de Planejamento Urbano.

Critérios e data para o credenciamento
Para se credenciar, é necessário que o empreendimento possua inscrição no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ); Alvará Municipal; cadastro no CADASTUR; atender as normas e padrões dos órgãos fiscalizadores e munir a Secretaria de Cultura e Turismo de dados estatísticos relacionados ao atendimento (como fluxo de turistas, percentuais de ocupação, quantitativo de serviços comercializados, preços praticados, entre outros). 

A partir da próxima segunda-feira (3), empreendedores interessados já poderão fazer o cadastro de adesão na Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, localizada na Praça Raulino Alves Cordeiro, no Centro da cidade. 

Arte do Selo
O selo é composto, em seu desenho, por elementos que traduzem a vocação turística local. De criação do professor da Casa da Cultura, Tiago Fernandes, o selo contém imagens que remetem à cantaria (atividade que embasou o desenvolvimento econômico de Quatro Barras), às araucárias, à gastronomia, ao Morro do Anhangava (principal montanha escola de escalada do país), ao cicloturismo, aos caminhos históricos de Quatro Barras (retratando os primeiros caminhos do Estado) e ao diamante, referindo-se à Joia Rara do Paraná (alusão feita a Quatro Barras em seu hino municipal). As figuras são carregadas de significado e expressam grande parte dos atrativos que o visitante encontrará aqui.

Exposições 
Cada visitante que acompanhou o lançamento do selo também pode visualizar, já no hall de entrada da Câmara Municipal, as exposições de trabalhos da Casa da Cultura, dos projetos de Desenho e Pintura do professor Tiago Fernandes; e as maquetes de pontos turísticos realizadas por alunos da Escola Municipal Izair Lago, a partir do projeto das professoras Valderez do Carmo Palma Costa e Patrícia Andreatta de Lara. 

O projeto “Belezas de Quatro Barras” foi desenvolvido com alunos do 4º e 5º ano, em conjunto com os pais, a fim de valorizar os atrativos turísticos do município. As obras serão expostas também na Casa da Cultura e o projeto terá fechamento até o fim do ano com atividades de cantaria e teatro.