• (41) 3671-8800
  • Seg. à Sex. 8h00 às 12h e 13h30 às 17h30

Quatro Barras abre discussões do Plano Plurianual com a população

 

Publicado em: 12/05/2017 12:10

Whatsapp

 

A Prefeitura de Quatro Barras abriu neste sábado (6) as discussões iniciais para elaboração do Plano Plurianual  (PPA) para o período de 2018 a 2021. No auditório, mais de 80 pessoas acompanharam a explanação sobre as metas do governo para os próximos anos.
   
O prefeito Angelo Andreatta (Lara) e o vice-prefeito Roberto Adamoski receberam a população e agradeceram a presença dos munícipes. Lara disse que era uma grata surpresa ver que tantos cidadãos dedicaram a tarde de sábado para ajudar na elaboração do plano que servirá de base para o planejamento do orçamento dos próximos quatro anos. “Obrigado a todos que estão aqui hoje, nos ajudando a planejar os investimentos do município, priorizando o que é realmente importante”, disse o prefeito.
   
Os secretários municipais e os vereadores Sandro Eleno Andreatta (Leno) e Paulo Cesar Lima (Juninho) também acompanharam as discussões do plano que será votado futuramente na Câmara. Leno aproveitou para pedir que seja analisada a possibilidade de implantar o uso de tecnologias nas escolas.
   
A discussão do Plano Plurianual serve para apontar diretrizes e planejar o orçamento que será elaborado a partir das demandas dos munícipes, sempre observando  a capacidade de investimentos do governo. Depois de uma rápida explanação dos objetivos do plano, o evento foi aberto para perguntas, sugestões e dúvidas.
   
A adesão popular foi expressiva pelo número de manifestações e pela diversidade das propostas e sugestões apresentadas. A gestão participativa permite um olhar coletivo importante. Quanto mais a comunidade se manifesta, mais o gestor pode investir corretamente nas demandas elencadas como prioritárias pela própria população.

Moradores sugerem propostas
A moradora do bairro Santa Luzia, Rita de Cássia de Mello, sugeriu que o transporte coletivo contemple os universitários com meia passagem, incentivando a busca pelo ensino superior. Simone Gonçalves Rodrigues, também da Borda do Campo, elencou mais de dez sugestões, desde a guarda responsável de animais e construção de fossas em residências em que o esgoto não está ligado à rede de tratamento, até a criação da Casa da Memória, para resgatar o acervo arqueológico, indígena e histórico.
   
O professor Aníbal Creplive, morador do Jardim Patrícia, sugeriu a implantação de calçadas padronizadas que facilitem a mobilidade urbana e pediu mais tecnologia nas escolas. Márcio Thomé Lopes, também morador do bairro, sugeriu a implantação de ciclovias para incentivar o uso de bicicleta como meio de locomoção. Já a proposta da moradora Ilda Maria Zancanaro foi ampliar os circuitos de caminhada de longas distâncias para fomentar o turismo.
   
"Observamos aqui um grupo de pessoas com notório conhecimento sobre as demandas do município. Muitas destas propostas já fazem parte do nosso plano de governo e outras agora também passarão a fazê-lo. Esta proximidade com a população é uma forma inteligente de evitar erros e priorizar o que será feito. É a Prefeitura mais perto do cidadão", destacou o prefeito Lara.
   
Segundo ele, a audiência foi o passo inicial para a elaboração do plano. Agora, a equipe de governo fará um estudo para elencar ações e investimentos que serão realizados a curto, médio e longo prazo.
   
O controlador interno, Edson da Silva Elias, também avaliou positivamente o encontro. “Este foi um momento de troca de informações e levantamento de ideias e sugestões que enriquecem o planejamento orçamentário para os próximos quatro anos. O PPA tem essa característica de participação popular para formulação de políticas públicas voltadas à real necessidade dos bairros e do município”, concluiu Edson.